A palavra estética é derivada de uma palavra grega que significa “percepção”. A estética lida com a beleza e portanto tem duas dimensões: a objetiva e a subjetiva. Beleza objetiva é admirável e é baseada numa análise do objeto em si, o que significa que o mesmo possui propriedades que o tornam indiscutivelmente louvável. A beleza subjetiva é agradável e apresenta qualidades muitas vezes escondidas ou mesmo não perceptíveis em um primeiro olhar, no entanto, essas qualidades são carregadas de valor, criando uma sensação de harmonia e bem estar.

Importância do sorriso

O sorriso é uma das mais importantes expressões faciais e é essencial para expressar diversas emoções, entre elas a alegria, simpatia e apreço. Um belo sorriso irradia saúde e autoconfiança.   Uma das maiores características que uma pessoa pode ter é um sorriso que mostra dentes belos e naturais e gengivas saudáveis. Muitos pacientes com ausência de dentes, dentes mal alinhados, descoloridos e manchados cobrem a boca ao sorrir ou sorriem com os lábios fechados para esconder a má aparência do sorriso. O mesmo vale para gengivas doentes que apresentam sinais e sintomas nítidos de inflamação. A correção desses problemas bucais podem produzir mudanças dramáticas na aparência, que muitas vezes resultam em maior confiança do paciente em ambientes sociais. Os efeitos positivos da melhora do sorriso de uma paciente muitas vezes contribuem para uma melhor autoimagem e maior autoestima.

A busca pelo sorriso estético e natural

Grande parte das pessoas sabe que um belo sorriso desempenha um papel fundamental na sensação de bem-estar, na aceitação pelos outros, no sucesso do trabalho e Dos relacionamentos, e na estabilidade emocional. Informados por livros, revistas e pela mídia, e impulsionados pelo desejo de viver uma vida melhor, os pacientes têm procurado cada vez mais tratamentos dentários estéticos, a fim de alcançar um belo sorriso.

A odontologia estética foi introduzida há mais de trinta anos, no entanto, temos visto um aumento da sua popularidade após um refinamento da importância dos conceitos de estética dentaria, tanto micro(subjetivo) como macro(objetivo). Para que esses conceitos combinem de forma harmônica com a face do paciente, o dentista precisa ser um profissional experiente. Em qualquer tratamento estético, existe a necessidade de consideração de uma aparência natural e funcional. A aparência artificial e não funcional pode levar a um resultado menos satisfatório. Portanto, a consideração mais importante na construção de um sorriso bonito e funcional é a atenção a detalhes objetivos e subjetivos. O dentista superior é aquele que presta especial atenção a cada pequeno detalhe.